domingo, 18 de dezembro de 2011

E..SE O ALADINO SE JUNTASSE AO PAI NATAL?


Eu cá sou daquelas que acredita em milagres. 
Afinal, com Úrano em Carneiro vale tudo, não é verdade?:-)

Depois de muito pensar e para não desistir do meu eterno propósito- um Natal mais consciente (sim, que eu acredito no pai natal), percebi que só mesmo um milagre podia mudar os acontecimentos natalícios e travar esta corrida desenfreada aos inúmeros pedidos que diariamente chegam ao desgraçado do velho das barbas brancas.
Os tempos são outros e o homem está desgastado, cheio de artroses de carregar tanto saco, despediu a secretária por causa da crise, tem de despachar todas aquelas cartas, emails e, como se não bastasse a especialidade dele são prendas, não milagres. 
E, agora mais que as prendas, interessam os milagres…
Confesso que não gostaria de ver a nossa Senhora metida nisto, pois com o devido respeito, sei que também ela não tem mãos a medir nos tempos que correm.
Depois de muito pensar - eureka, fez-se luz.
Quem melhor que o Aladino para esta parceria New-age?
Combinação perfeita para este Natal, 2 em 1, prenda com milagre incluído. 

Devo dizer que ambos aceitaram de imediato. 
Assim sendo, este Natal vai ser diferente.
Aproxime-se da chaminé, quero eu dizer de si, entende?
Olhe bem lá para dentro e veja o estado em que se encontra. Como sabe, os limpa-chaminés, com a crise, e a falta de chaminés para limpar, foram todos para o desemprego e agora cabe-lhe a si tão morosa tarefa. Pegue na vassoura e mãos à obra. Veja como está preta de tanta fuligem, de tanto esforço em vão, de tanta coisa fora de prazo que teima em manter na sua vida.
Só depois da 1ª vassourada em profundidade, pode finalmente esfregar a lâmpada.
A lâmpada, aquela, a da sua consciência, lembra-se?
E, pronto espere e… vá vendo então o milagre acontecer – ah, pode repetir várias vezes a ‘limpeza’, mesmo sem ser Natal. O Aladino precisa de trabalhar e o Pai Natal estava danadinho por uma parceria de jeito.
Depois tem múltiplos benefícios. Não custa dinheiro e, apesar de ter efeitos secundários, relaxe, demoram a surgir e quando surgem normalmente já nos estamos nas tintas para eles.
Bom, mas até lá, como ainda faltam uns diazitos para os ‘super-heróis’ se revelarem na sua, ou numa chaminé perto de si, não me aguento sem dar lhe umas dicas, pois como já disse, acredito em tudo a que tenho direito : milagres, Pai Natal, Aladino e até vejam só, na CONSCIÊNCIA – aquela que delicadamente nos vai afastando de quem não somos, mesmo que teimemos em querer ser.

NÃO DESPERDICE tempo, dinheiro, sms e esforços com quem 'desperdiçou' estar o ano inteiro.

NÃO DESPERDICE as suas dádivas e não se confunda. 
DAR É DAR-SE. 
O resto, são mentiras que ajudam a manter o volume de vendas nesta época e que em nada contribuem para a verdade do Amor.

OS AFECTOS não se vendem, nem se compram, partilham-se simplesmente. 

NÃO DESPERDICE as palavras, principalmente se os seus actos as contrariarem.

Só o que fazemos fala verdadeiramente de nós.

E..por fim..


NÃO DESPERDICE A VERDADE NEM A VIDA.

É com elas que cresce, se enaltece e se transforma. 
Seja-lhes para sempre fiel e serão elas as suas maiores aliadas. 
Ora agora, aqui Entre Nós, diga lá se não lhe dava jeito que o Aladino se juntasse este ano ao Pai Natal?
   

Sem comentários:

Enviar um comentário